terça-feira, 8 de março de 2016

Curiosidades sobre o ícone, a lenda, Vladimir Putin

Vladimir Putin, com certeza é um dos presidentes mais conhecidos da história, afinal quem nunca ouviu falar dele, ou viu uma de suas famosas fotos ou frases que acabaram virando memes? Então confira agora alguns fatos poucos conhecidos sobre Влади́мир Влади́мирович Пу́тин.

Vladimir Vladimirovitch Putin nasceu no Leningrado em 7 de outubro de 1952, e sua infância não foi das mais fáceis. Nascido em uma família soviética pobre, ele tinha de dividir seu apartamento com seus pais, irmãos e outras três famílias. 
Em sua biografia oficial o presidente russo revelou que ele passava seu tempo livre caçando ratos na escadaria do lugar.

Putin é um ótimo lutador de artes marciais, aos 18 anos ele já tinha conseguido uma faixa preta em judô e ele ainda pratica a arte marcial durante seu tempo livre. Além do judô Vladimir também é treinado na arte marcial russa Sambo.
O motivo para ele querer aprender judô era para que as outras crianças não implicassem com ele, segundo o presidente todos os outros adolescentes do sexo masculino tinham começado a puberdade antes dele.

Putin tem duas filhas chamadas Maria Putin e Yekaterina Putin, ambas nasceram em meados da década de 1980, mas a existência delas permaneceu em segredo por algum tempo. Nenhuma fotografia oficial da família foi publicada nos meios de comunicação russo, mas existem várias fotos na internet das garotas.


O presidente russo adora cachorros e tem vários como animais de estimação, e segundo algumas alegações, ele usou um deles para intimidar a chanceler alemã, Angela Merkel
Dizem que em janeiro de 2007 Putin levou seu labrador preto, Konni,  para uma reunião diplomática com Merkel, mesmo sabendo que ela tem medo de cães por ter sido mordida por um, segundo os presentes a reunião terminou com Merkel nervosamente comentando: "Agora, o cão vai comer os jornalistas..."

Infelizmente, Konni morreu em 2014 com 15 anos de idade, mas isso também foi mantido em segredo por algum tempo, a noticia de que a cachorra havia morrido só veio a tona em fevereiro de 2015.


Em agosto de 2011 o líder russo "descobriu" vasos gregos antigos enquanto mergulhava no Mar Negro. No entanto, dois meses depois, seu principal porta-voz admitiu que o vídeo de Putin coletando dois fragmentos do século 6 A.C foi na verdade encenado. 
Aparentemente, os jarros tinham sido descobertos anteriormente por arqueólogos e deliberadamente colocados lá para que Putin pudesse "descobri-los".

E essa nem deve ser a primeira vez que Putin fez algo falso para mostrar o quão macho ele é, o presidente adora se exibir, por isso não é difícil achar vídeos e fotos dele fazendo atividades incomuns, tais como: andando a cavalo sem camisa, nadando em rios gelados, caçando, pescando, explorando montanhas, voando em jatos militares, apagando incêndios usando os jatos militares, mostrando suas habilidades em artes marciais, pilotando carros de corridas, sedando animais selvagens (que nem deveriam estar naquele habitat) e explorando águas profundas.

Existem até mesmo produtos licenciados com o rosto e o nome de Putin, tais como camisetas, comidas enlatadas, HQs e (claro) vodka. Graças a esses fatos acredita-se que sua fortuna seja estimada em 46 bilhões de euros. 

Além de todas essas atividades, Putin também mostrou ser um cantor. Em dezembro de 2010 ele cantou uma versão de Blueberry Hill, em frente de uma platéia repleta de famosos (Kevin Costner, Gerard Depardieu, Sharon Stone entre outros) em um evento beneficente em São Petersburgo. Putin também tocou Motherland Begins, uma canção da era soviética, no piano, mas errou uma nota e parou, mostrando que ele é humano e também comete erros. Antes disso já se sabia que o presidente era um grande fã dos Beatles e que Yesterday do cantor Paul McCartney é a sua música favorita.

E se você ainda não está convencido de que o Presidente realmente se adora, saiba que em 2014 para honrar seu aniversário de 62 anos (isso mesmo, ele é velho) uma peça de arte em sua homenagem foi exposta em uma galeria de arte, chamada de "Os 12 Trabalhos de Putin" a obra é uma releitura dos 12 trabalhos de Hércules. 
Putin é mostrado nas imagens abatendo aviões de guerra americanos com um arco e flecha e até estrangulando um terrorista com as próprias mãos. 

O avô paterno de Vladimir, Spiridon Ivanovich Putin, era um cozinheiro para o ex-premier bolchevique Vladimir Lenin em sua casa de campo. Após a morte de Lenin, Spiridon Putin continuou trabalhando para a liderança soviética e chegou a preparar refeições para o ilustre Joseph Stalin.

Já que Putin é um cristão ortodoxo devoto, ele segue rigorosamente os valores tradicionais da igreja, uma de suas crenças é a de que o casamento homossexual é semelhante a adorar Satanás, mas ele ainda foi além e argumentou em um discurso em setembro de 2013 que a Rússia deve evitar seguir os países europeus que estavam legalizando o casamento gay. Ele também montou leis que proíbem a propaganda homossexual.
Além de ser contra gays Putin também não gostou quando a URSS se separou, ele chamou a ocasião de "Maior catástrofe geopolítica do século 20", mesmo assim ele não quer que a Russia volte ao socialismo daquela época.

Além de machão, Putin também é esperto, afinal ele conseguiu se eleger três vezes consecutivas, embora apenas duas fossem permitidas pela constituição russa. Acontece que o presidente encontrou uma brecha na constituição.
Seu protegido, Dmitry Medvedev assumiu a presidência, e nomeou Putin como seu primeiro-ministro entre 2008 e 2012. Em setembro de 2011, a Constituição russa foi então alterado para permitir mandatos presidenciais de seis anos (em vez de quatro), Putin foi então reeleito para um terceiro mandato, que tecnicamente não era mais consecutivo. Em teoria, o presidente agora pode estender seu tempo acumulado como Presidente da Rússia a 24 anos, se ele concorrer para as reeleições de 2018.
Putin também mostrou que não liga muito para a opinião do povo, durante sua terceira "reeleição' protestos foram realizados em várias partes da Rússia. Cerca de 20 mil manifestantes se reuniram em Moscou no dia 6 de maio para protestar, resultado: oitenta pessoas ficaram feridas em confrontos com a polícia e 450 foram presos, com mais de 120 detenções ocorrendo no dia seguinte.

Putin anunciou seu divorcio de maneira simples, durante uma entrevista no intervalo de uma peça de ballet, mas o que realmente chamou a atenção da mídia é que o presidente possa ter tido um caso com a espiã russa (que depois virou modelo) Anna Chapman. 
A espiã foi presa na em 27 de junho de 2010, junto com nove outras pessoas, em uma operação conduzida pelo FBI acusada de espionar para a agência de inteligência da Federação Russa (o SVR). Chapman se declarou culpada perante um tribunal. Ela foi deportada de volta para a Rússia em 8 de julho, como parte de uma troca de prisioneiros. Atualmente ela trabalha como empresária e já apareceu em vários programas de televisão russo. Dizem que ela também tentou seduzir o herói Edward Snowden, se ela teve sucesso ou não ninguém sabe, mas em 2015 ela deu a luz a seu primeiro filho, cujo pai não foi identificado.

Outra mulher com quem Putin foi acusado de ter um caso foi Alina Kabayeva, politica e ex-medalhista de ouro de ginástica rítmica.

Mas você deve estar se perguntado, como Vladimir Putin pode ser tão incrível? A resposta é simples, enquanto Obama ainda estava na faculdade, Vladimir já era um agente do serviço secreto KGB (Comité de Segurança do Estado). Aos 23 anos Putin já espionava para a agência de polícia secreta da Alemanha Oriental entre 1975 e 1991. Seu trabalho principal foi recrutar estrangeiros em Dresden, na esperança de enviá-los como agentes disfarçados para os EUA. Enquanto o Muro de Berlim caía em 1989, Putin ajudou a queimar os arquivos da KGB antes que as pessoas tivessem acesso a eles. Ele se mudou de volta para a Rússia em 1991 e deixou a agência com a patente de tenente-coronel. Em sua biografia ele diz que esses foram alguns dos melhores dias de sua vida.
A agência de espionagem BND (Serviço Federal de Inteligência da Alemanha) descreveu Putin como um "mulherengo e um batedor de mulheres" durante seu tempo como um agente KBG na Alemanha Oriental. Um agente da BND, codinome "Varanda" disse que essas informações vieram da própria ex-esposa de Putin, Lyudmila Aleksandrovna.

Curtiu a matéria? Então não deixe de curtir nossa página no Facebook e ler outras matérias.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...