segunda-feira, 28 de maio de 2018

13 Pessoas que morreram de formas bizarras - Parte 5

Todo mundo morre, mas algumas pessoas morrem de maneiras tão bizarras que suas histórias ficaram famosas com o passar dos anos.
Conheça mais 13 azarados que morreram de maneira única.

Arrichion de Phigalia era um lutador grego. Durante uma de suas lutas ele foi segurado por seu oponente em uma posição de estrangulamento e ficou incapaz de se libertar, Arrichion então, perdendo a consciência, chutou seu oponente causando-lhe tanta dor que o adversário fez o sinal de derrota para os árbitros, mas ao mesmo tempo acidentalmente quebrou o pescoço de Arrichion. 
Como o oponente havia desistido, o cadáver de Arrichion foi proclamado o vencedor.

Bela I da Hungria foi rei da Hungria de 6 de dezembro de 1060 até 11 de setembro 1063, e o que lhe matou foi provavelmente a última coisa que ele esperava. 
Durante um dia normal o Rei foi sentar-se em seu trono, só que o trono quebrou bem embaixo dele, o deixando mortalmente ferido.

Martin de Aragão morreu de um jeito verdadeiramente único, ele morreu de risada. Segundo relatos da época, Martin estava sofrendo de indigestão por comer um ganso inteiro quando seu bobo da corte favorito, Borra, entrou no quarto. 
Quando Martin perguntou a Borra onde ele estivera, o bobo da corte respondeu: "No próximo vinhedo, onde vi um jovem cervo pendurado junto à cauda de uma árvore, como se alguém o tivesse castigado por roubar figos." Essa piada fez o rei morrer de rir.
Outras versões dizem que ele foi assassinado, mas a versão do bobo da corte é contada até hoje.

O nobre Tycho Brahe contraiu uma doença na bexiga ou nos rins depois de participar de um banquete em Praga e morreu onze dias depois. Mas a parte estranha é como ele conseguiu essa doença em primeiro lugar. 
De acordo com o relato de primeira mão do nobre Kepler, Brahe se recusou a deixar o banquete para se aliviar, porque teria sido uma "quebra de etiqueta".

Jean-Baptiste Lully, o  grande compositor francês deu a vida por sua arte, ele morreu de um abcesso gangrenoso após acidentalmente perfurar seu pé com um bastão enquanto conduzia vigorosamente um hino cristão. 
Era costume naquela época dar uma batida no chão para conduzir os músicos. Eles até ofereceram salvar a sua vida ao amputar a sua perna, mas ele também era um dançarino e recusou...

Henry Taylor estava ajudando a carregar um caixão em um funeral quando tropeçou em uma pedra. Os outros carregadores perderam o equilíbrio e soltaram o caixão que, claro, caiu bem em cima de Taylor, esmagando-o na frente de todos os observadores. Segundo relatos a esposa do homem cujo caixão Taylor estava carregando supostamente "quase entrou em histeria".

Allan Pinkerton era o fundador da mundialmente famosa Agência de Detetives Pinkerton, então era natural que ele fosse assassinado por vingança por algum criminoso, mas não foi isso que aconteceu.
Pinkerton estava em Chicago, Illinois, quando ele tropeçou na calçada e mordeu severamente sua língua. Sua língua foi infectada com gangrena o que o levou a morte.

George Herbert o 5º Conde de Carnarvon, que financiou a busca do túmulo de Tutancâmon por Howard Carter, morreu de uma maneira inusitada que ele nunca poderia prever. Ele foi picado por um simples mosquito, mas esse não foi o problema, o problema foi quando ele se cortou fazendo a barba e o corte foi infectado. 

Em 1982 David Grundman estava treinando sua mira ao atirar em cactos com sua espingarda perto de Lake Pleasant, Arizona, sua morte veio ao ser esmagado por um pedaço de  1,2 m do cacto, que se soltou e caiu sobre ele devido aos tiros. 

Dick Wertheim, um bandeirinha de tênis, morreu em 1983 de uma maneira inovativa e estupidamente dolorosa, ele faleceu depois que uma bola atingiu-o na virilha e ele caiu da cadeira. Curiosamente seu nome Dick significa Penis em inglês.

Jeremy Brenno, de apenas 16 anos, foi morto em um campo de golfe quando, frustrado, atingiu um banco com seu taco de golfe de madeira. O taco quebrou, voltou em sua direção e perfurou seu coração.

Em 1998 Jonathan Capewell de 16 anos, morreu de um ataque cardíaco causado pelo acúmulo de butano e propano no sangue após o uso excessivo de desodorantes.  Capewell tinha uma obsessão com sua higiene pessoal. 
Uma autópsia mostrou que o adolescente tinha 0,37 mg de butano por litro no sangue e a mesma quantidade de propano, apenas 0,1 mg por litro pode ser fatal. 

Bernd Brandes, um engenheiro alemão de Berlim, foi voluntariamente assassinado para ser devorado pelo canibal Armin Meiwes. Brandes havia respondido a um anúncio na internet que Meiwes havia colocado para esse proposito. 
Para deixar as coisas ainda mais bizarras, na prisão Meiwes se tornou vegetariano.

Se você quiser ver ainda mais matérias interessantes clique aqui e visite o nosso facebook.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...