sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Curiosidades e fatos que voce não sabia sobre o Ano-Novo

Assim como o Natal o Ano-Novo é sinônimo de festa e é um dos dias mais famosos do ano, mesmo assim existem muitas curiosidades e fatos sobre esse feriado que você nunca deve ter ouvido falar.
Confira algumas das melhores.

Embora o Ano-Novo não seja o maior feriado do mundo, ele é provavelmente o mais antigo, uma festa similar já era comemorada na Babilônia cerca de 4.000 anos atrás, mas eles não comemoravam a data no fim ou começo do ano, e sim em março, junto com a aparição da primeira Lua Nova do ano.

Foram os antigos romanos que começaram a comemorar a data no fim/começo do ano que nós conhecemos hoje, o imperador Júlio Cesar foi quem declarou que 1 de janeiro seria o primeiro dia do ano, o nome janeiro vem de Janus, o Deus grego dos começos.
Eles comemoravam a data oferecendo sacrifícios, trocando presentes e enfeitando suas casas, nessa época o Ano-Novo era mais parecido com o Natal moderno do que o Ano-Novo moderno.

Como a Igreja adora intervir em feriados e fazer deles uma festa religiosa em muitas culturas o Ano-novo também é celebrado como a Festa da Circuncisão de Cristo, mas como você já deve ter imaginado a circuncisão real de Cristo não deve ter acontecido no fim do ano, e sim perto de seu nascimento entre março e julho.
Com o passar do tempo esse "outro significado" foi esquecido por muitos, afinal ninguém quer realmente celebrar o dia em que Jesus teve um pedaço de seu pênis cortado.

Culturas diferentes celebram o feriado de maneiras diferentes, por exemplo, desde 1995 os moradores de Talca, pequena cidade do Chile, iniciaram a tradição de passar a véspera do Ano Novo junto aos familiares, só que os familiares em questão já estão mortos. 
Lá, as famílias comemoram a data no cemitério, perto das covas dos parentes. A prática ganhou popularidade e hoje mais de cinco mil pessoas comemoram a véspera de Ano-Novo no cemitério.

Assim como no Natal os crimes também aumentam em época de fim de ano, principalmente o roubo de carros. Não existe uma explicação oficial para esse aumento, mas ele é provavelmente devido ao fato das pessoas se reuniram em um lugar, fazendo com que os ladrões tenham mais opções.

O Equador também tem uma tradição bizarra no minimo, lá os homens viram travestis por uma noite, são as chamadas viudas (ou viúvas). 
Essas "damas da noite" gastam o seu tempo pedindo dinheiro para as pessoas, normalmente para comprar cervejas e comemorar o Ano-novo em grande estilo, ou apenas para tentar esquecer o que eles fizeram enquanto fingiam ser mulheres...

Segundo uma pesquisa as promessas de Ano-Novo mais feitas são: perder peso, organizar-se, gastar menos e economizar mais, ficar em forma, ter um estilo de vida mais saudável e parar de fumar. Enquanto quase metade de todos os americanos fazem resoluções, 25% deles desistem de suas resoluções na segunda semana de janeiro. Apenas 8% realmente cumprem a promessa até o fim do ano.

O champanhe é uma bebida associada a celebração, e não é pra menos, apenas nos E.U.A 360 milhões de garrafas são consumidas nessa época do ano. Além disso eles usam cerca de 900 Kg de confetetti apenas em Nova York.

Na Colômbia, em Cuba e em Porto Rico, algumas famílias comemoram o Ano-Novo de um jeito diferente, eles enchem uma grande boneca, que é chamada de Sr. Ano Velho, com lembranças do ano passado. Ai a meia-noite, esse boneco que foi cuidadosamente feito é incendiado sem dó, simbolicamente queimando as más lembranças.


Já na Irlanda, os moradores tem outra tradição que faz os estrangeiros coçarem a cabeça, eles batem pães contra as paredes de suas casas, a fim de assustar os maus espíritos, pelo menos de acordo com o site boston.com.


Você também deve ter alguma tradição de Ano-Novo, e se você acha que as suas são mais "normais" do que as de outros países, saiba que elas não são vistas assim no exterior, por exemplo, o fato do Brasil e outros países latinos usarem roupas de cores diferentes na virada do ano é basicamente uma grande piada para países mais sérios.


É muito comum que estados diferentes do mesmo país tenham tradições diferentes, por exemplo em Nova York eles tem o costume de abaixar uma grande bola no fim do ano, ela é conhecida como "Bola da Times Square". Na Pensilvânia, os moradores abaixam uma mortadela à meia-noite, em Monte Olive, Carolina do Norte, eles deixam cair um picles, já em Folly Beach, Carolina do Sul, eles deixam cair um par de chinelos.


Na Alemanha, os foliões derramavam metal quente em tigelas de água fria. A forma em que o metal se solidificasse ditaria o tipo de ano que eles vão ter.


Poucos sabem disso mas na Etiópia eles na verdade tem 13 meses, e o ano novo é em setembro. Em outras palavras eles não vão comemorar o ano novo de 2016 para 2017, lá eles tecnicamente ainda estão no ano de 2009.

Na Coréia e alguns outros países asiáticos, quando você nasce, você já tem um ano de idade e a idade de todos aumenta um ano no Ano-Novo. Então, se a criança nasceu em 29 de dezembro, no dia de Ano-Novo, ela já terá 2 anos de idade, mesmo tendo apenas alguns dias de vida.

Espero que você tenha curtido essa matéria especial, e se você curtiu que tal visitar nosso Facebook e deixar sua curtida lá? basta clicar aqui e curtir.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...